5 de jan de 2013

Cuidar da língua

As bactérias que ficam na língua produzem gás sulfúrico e mau hálito, segundo uma reportagem no jornal Prince George Citizen. “As bactérias proliferam em ambientes sem oxigênio e é por isso que vivem nos sulcos e reentrâncias longe do oxigênio que enviamos para os pulmões”, declara a reportagem. Escovar os dentes e passar fio dental ajuda, mas elimina apenas 25% das bactérias. O dentista Allan Grove recomenda “raspar” a língua, um hábito antigo na Europa, “o mais importante meio de evitar mau hálito”. Um “raspador” de plástico “é mais recomendável do que uma escova para ter uma língua limpa e rosada”, segundo o Citizen.

0 comentários: