Dificilmente alguém contestaria a declaração de que uma boa noite de sono é um fator fundamental para a boa saúde. Mas muitos não dão importância ao sono. "O problema é que no dia seguinte você sofre as conseqüências", disse Shawn Currie, psicólogo-clínico e professor-adjunto na Universidade de Calgary, no Canadá. A privação de sono pode muito bem deixá-lo de mau humor e, às vezes, até deprimido.
"Cientistas teorizam que durante o sono o cérebro se restaura e o aprendizado continua", disse o jornal Calgary Herald. O professor Currie observou: "À noite, as lembranças são consolidadas e o que foi aprendido durante o dia é armazenado no devido lugar. Ficar privado desse descanso na verdade prejudica o aprendizado." Ele acrescentou que "uma boa noite de sono parece desempenhar alguma função que proporciona equilíbrio emocional".
Então, quantas horas de sono seria recomendável? Muitos especialistas recomendam oito horas. Mas, segundo Currie, "varia de pessoa para pessoa". Tendo isso em mente, ele sugere que o importante é procurar ter um sono de qualidade. Mas como conseguir isso, principalmente no caso de quem tem insônia? Seguem-se algumas dicas:
▪ Antes de deitar, tome um banho morno ou quente, de banheira ou de chuveiro.
▪ Pratique exercícios moderados várias vezes por semana, evitando exercícios vigorosos próximo do horário de dormir.
▪ Durma em quarto escuro, arejado e com temperatura agradável.
▪ De manhã, procure acordar sempre no mesmo horário para estabelecer um padrão regular de sono.
Tendo em vista os patentes benefícios à saúde, use de bom senso e coloque o sono na sua lista de prioridades máximas.

Gostou? Então, Indique este Site!

0 comentários: