29 de abr de 2009

Freio no esgotamento nervoso

Todas as formas de estresse estão aumentando, e a psicóloga Ellen McGrath, escrevendo para a revista americana Health, dá algumas estratégias para impedir que o estresse acabe em esgotamento nervoso.
▪ Faça uma pausa, qualquer pausa, em suas atividades: Ande uns dez minutos ou respire fundo e calmamente durante cinco minutos. Reserve 15 minutos para leitura ou reflexão no início e no fim de cada dia.
▪ Assuma o controle de sua vida: Cerque-se de coisas que o façam sorrir, como fotos, flores ou lembranças. Planeje o que irá fazer e deixe as coisas que precisam ser feitas para os horários menos estressantes do dia.
▪ Alimente-se bem: Não trabalhe até ficar esfomeado, nem se contente com lanches rápidos de pouco valor nutritivo — por mais ocupado que você esteja. Refeições freqüentes com bastante frutas e hortaliças o ajudarão a evitar a fadiga.
▪ Mexa-se: Exercícios vigorosos reduzem o estresse e aumentam o contentamento e a sensação de autocontrole. Faça dos exercícios um prazer.

0 comentários: